O ex-prefeito de Cuité, Bado Vênancio (PEN), acabou enfrentando uma verdadeira “saia justa” devido a problemas em sua imagem e foi vaiado por varias pessoas durante um pequeno comício que ele realizava para o candidato Cássio na feira livre de Cuité, quando Bado falava que o seu candidato Cássio tinha realizado muitas obras em Cuité, ele recebeu uma calorosa vaia. 

A população lembra da única obra que Cássio fez pela cidade, que foi deixar a cidade cheia de buracos e não concluiu as obras do saneamento básico. Falou um cidadão.

No primeiro turno em Cuité, Ricardo teve uma maioria de 256 votos de vantagem no candidato Cássio.

O ex-prefeito de Cuité Bado Venâncio foi o único prefeito que teve o mandato cassado na historia politica de Cuité.

Redação


Foi registrado no início da noite desse domingo um acidente entre uma moto e um carro na cidade de Nova Floresta/PB. Com o impacto da batida, um jovem identificado como Arielson Rocha, de 19 anos, teve a perna direita esmagada. Além de Arielson, o passageiro que vinha na garupa da moto, no momento da colisão, foi arremessado contra uma cerca.

O rapaz que vinha na garupa, ainda não identificado, foi levado para o Hospital de Nova Floresta. Ele sofreu apenas escoriações. Já Arielson, devido a gravidade do ferimento, precisou ser imobilizado pela equipe do Samu de Cuité e levado para o Hospital de Trauma de Campina Grande.

Segundo informações de populares, a moto colidiu com um veículo quando seguia sentido Nova Floresta, próximo ao antigo matadouro da cidade. 

A Polícia Militar também esteve no local para controlar a situação e evitar outros problemas, devido ao grande números de curiosos que foram ao local.

Central de Jornalismo da 89FM


Desde a última sexta –feira que a campanha política na Paraíba tomou outro rumo nesta reta final. A coisa realmente ficou “muito preta” para o candidato Cássio, em virtude da divulgação da pesquisa do IBOPE, na sexta-feira à noite, através da Rede Paraíba de Televisão ( Rede Globo ).

A pesquisa veio como uma bomba atômica em cima do PSDB e Cássio, foi demolidora, tirou a todos de tempo, e colocou “água no chopp” durante a visita e comício do presidenciável Aécio Neves em João Pessoa. O comício de Aécio e Cássio aconteceu no busto Tamandaré, na praia de Tambaú, tinha muita gente, até eu e alguns amigos estávamos lá.

Ficamos na sacada de um apartamento bem próximo, observando tudo e tomando alguns drinks. Àquela altura do campeonato, por volta das 20 horas, a pesquisa do IBOPE já estava na rua e na boca das pessoas. Depois, descemos e fomos para uma barraquinha observar o que as pessoas comentavam. E a conversa era só a pesquisa do IBOPE ! A grande maioria das pessoas que foram levadas para lá, estavam tristes e tensas em virtude da pesquisa do IBOPE.

Em “tese” ninguém acreditava, porém, ao mesmo tempo, não conseguiam esconder nos seus semblantes a enorme preocupação com a pesquisa. Entre muitos comentários, eu vi e ouvi um cidadão cassista dizer para sua esposa em alto e bom som: “Pôrra, se fudemos, esse mago é foda”! E ela respondeu em tom menor: “ Eu lhe disse que a campanha não estava ganha ”!

Na verdade, a pesquisa do IBOPE que deu 53% pontos para Ricardo Coutinho, contra 47% para Cássio, mostrou uma diferença de 06 pontos percentuais a favor de Ricardo, e isso representa nada mais, nada menos, do que mais de 150 mil votos de maioria. Já imaginou !! É um resultado demolidor e desanimador para toda militância cassista, que pensava que seu candidato estava na frente, e não está. A pesquisa foi uma ducha de água fria em muita gente. Tem pessoas que não tem mais nem unhas e agora passaram a comer os dedos. E haja lexotan e tarja preta pra muita gente !

A única pessoa que não se surpreendeu com a pesquisa fui eu ( Rui Galdino ). Até imaginava que a diferença era ainda maior, porém, vou me contentar com a pesquisa. Nada contra Cássio, no entanto, a pesquisa reflete a adesão do PMDB e de muita gente nos últimos dias, inclusive, o apoio da presidenta Dilma.

Os números da pesquisa IBOPE, com 6 pontos de diferença a favor de Ricardo, é fruto também, do grande governo que Ricardo está fazendo em nosso estado. Uma gestão com muito trabalho e seriedade. Os paraibanos já estão vendo que o nosso estado avançou bastante com Ricardo, que a Paraíba é outra depois de Ricardo e que não deve retroceder.

No comício de Cássio e Aécio, só fiquei triste quando vi o senador Cícero, no palanque ao lado de Cássio e Ruy. Que tristeza ! Que pena ! Até entendo a situação de Cícero com relação a Aécio, porém, com relação a Cássio e Ruy, achei o senador “fraco”, isso mesmo ! Gosto de Cícero, fui seu eleitor, mas, fiquei decepcionado quando vi aquela cena deprimente. Caro Cícero, me perdoe, depois de tudo que fizeram com você este ano, você de repente, na última hora, sem a menor necessidade, sai da neutralidade de maneira melancólica !

Tudo bem, respeito as opiniões em contrário. Soube que em Campina, Ronaldinho pediu para os campinenses dar uma surra de votos em Ricardo. Meu Deus, enlouqueceu de vez ! Soube que em Marí, depois do resultado da pesquisa do IBOPE, o prefeito saiu às ruas para comemorar e foi apedrejado na cabeça pelos cassistas. Meu Deus, por quê tanta violência ? Calma gente ! Isso é apenas uma campanha, teremos outras no futuro e a vida continua …



ADELANTE !!!

No município de Mari, a campanha politica  saiu do controle, e virou caso de polícia. Na noite desta sexta-feira (17), o prefeito da cidade Marcos Martins (PSB), foi ferido com uma pedrada na cabeça,  durante comemoração de resultado de pesquisa eleitoral favorável ao seu candidato a governador.

Marcos Martins apoia a reeleição de Ricardo Coutinho (PSB), que segundo a última pesquisa do Ibope, divulgada pela rede Paraíba de Televisão, ultrapassou o seu concorrente Cássio Cunha Lima na corrida pelo Palácio da Redenção. Feliz com o resultado, Marcos teria saído as ruas para comemorar os números da pesquisa, quando foi atingido por pedradas. A agressão aconteceu em uma localidade conhecida como Barro Vermelho

O prefeito socialista levou três pontos na cabeça ao ser atendido na policlínica da cidade. O gestor deve fazer um Boletim de Ocorrência (BO) na Delegacia de Polícia Civil, na cidade de Sapé.


Com PBAgora

A primeira pesquisa Ibope sobre o segundo turno na Paraíba divulgada nesta sexta-feira (17) pela TV Cabo Branco revela que o governador Ricardo Coutinho (PSB), candidato à reeleição pela coligação ‘A Força do Trabalho’, abriu 6% de vantagem sobre o senador Cássio Cunha Lima (PSB). De acordo com o levantamento, o socialista aparece com 53% de de intenção de votos válidos contra 47% do tucano.

Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.

Se forem incluídos os votos brancos e nulos e dos eleitores que se declaram indecisos, os votos totais da pesquisa estimulada são: Ricardo Coutinho – 48%, Cássio Cunha Lima – 42%, branco/nulo – 6%, não sabe/ não respondeu – 4%.

O Ibope fez a pesquisa entre os dias 14 e 16 deste mês. O instituto ouviu 812 eleitores. A margem de erro é de três pontos, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. O que quer dizer que, se for levando em conta a margem de erro de três pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

Encomendada pelas TVs Cabo Branco e Paraíba, a pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral com o número PB-00046/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo BR-01106/2014. No primeiro turno, Cássio teve 47,44% dos votos válidos e Ricardo, 46,05%.

Da Redação com G1 Paraíba

UMA AÇÃO CONJUNTA DAS POLÍCIAS CIVIL E MILITAR DA PARAÍBA FEZ CUMPRIR, NESTA SEXTA-FEIRA (17), O MANDADO DE PRISÃO PREVENTIVA CONTRA JOSÉ CARLOS DOS SANTOS GONÇALVES, DE 34 ANOS, CONHECIDO COMO “JUNINHO”. CONTRA ELE, PESA A ACUSAÇÃO DO ASSASSINATO DE EDSON FAGNER MACEDO SILVA, MAS CONHECIDO COMO TECA, NA CIDADE DE NOVA FLORESTA.

ELE FOI PRESO EM CUITÉ, ONDE RESIDE ATUALMENTE, NO CENTRO DA CIDADE, PRÓXIMO AO BANCO DO BRASIL. JUNINHO ESTAVA TRANQUILO E NÃO REAGIU A PRISÃO, MAS NEGA QUE TENHA PARTICIPAÇÃO NO CRIME.

JUNINHO ESTÁ RECOLHIDO NA CADEIA DE CUITÉ, ONDE IRÁ AGUARDAR JULGAMENTO.

RELEMBRE O CASO:
TECA FOI ASSASSINADO COM NOVE TIROS, NO DIA 05 DE JULHO DE 2014, NA CIDADE DE NOVA FLORESTA, NA RUA DO TAUÁ. ELE CHEGOU A SER SOCORRIDO PELO SAMU DE CUITÉ, MAS NÃO RESISTIU AOS FERIMENTOS E VEIO A ÓBITO. ANTES DE SER MORTO, TECA FOI VÍTIMA DE QUATRO TENTATIVAS DE HOMICÍDIO.

CENTRAL DE JORNALISMO DA 89FM

O prefeito de Gado Bravo, Evandro Araújo (PMDB), é mais uma liderança política a retirar apoio à candidatura de Cássio Cunha Lima (PSDB) ao Governo do Estado e aderir ao projeto de reeleição do governador Ricardo Coutinho. A nova adesão à campanha do socialista foi articulada pelo deputado estadual reeleito Doda de Tião (PTB).

No primeiro turno, com o apoio do grupo político liderado pelo prefeito Evandro Araújo, o candidato tucano conseguiu obter 68,67% dos votos válidos. “Com a liderança do prefeito, não tenho dúvidas de que o governador Ricardo Coutinho reverterá o quadro em Gado Branco neste segundo turno”, destacou o deputado Doda de Tião.

Evandro Araújo revelou que, além do pedido feito pelo deputado Doda, pesou em sua decisão o trabalho que vem sendo desenvolvido por Ricardo em todas as regiões do Estado. “É notável as ações do governador em nossa região, por isso decidimos adotar outra postura neste segundo turno e permitir que nosso povo siga sendo beneficiado pelas ações implementadas pela gestão de Ricardo”, frisou o prefeito.

Além do prefeito Evandro Araújo, outras lideranças políticas de Gado aderiram à reeleição de Ricardo, como o ex-prefeito Fernando Morais, as ex-vice-prefeitas Almery Alves e Caminha Lucena e os vereadores Carlos Malombado (PMDB), Mundinho (PP), Roberto Barreto (PTdoB), Dado de Horácio (DEM), Professor Leônidas (PSD), Julião Leão (PMN) e Ângela Ceia (PMN).

O ex-vice-prefeito de Cuité de Mamanguape, Tonhão (PMDB), e o candidato a vice-prefeito nas eleições de 2012 em Mamanguape, Orlando Santos (PMDB), anunciaram apoio à reeleição do governador Ricardo Coutinho (PSB). O anuncio foi feito durante reunião com o coordenador político da campanha socialista, Efraim Moraes (DEM), e o deputado federal eleito Veneziano Vital (PMDB), na tarde desta quinta-feira (16), em João Pessoa.

“Tivemos uma boa parceria em Mamanguape nas últimas eleições municipais, onde fui candidato ao lado de Maria Eunice (PSB). Nas eleições deste ano, como sou partidário, coordenei a campanha de Vital do Rêgo no Vale do Mamanguape, e agora acompanho a decisão acertada do meu partido em acompanhar Ricardo”, disse Orlando Santos.

Já o ex-vice-prefeito de Cuité de Mamanguape acredita que Ricardo Coutinho seguirá desenvolvendo a região, ao contrário do candidato do PSDB, o ex-governador Cássio Cunha Lima que, segundo ele, em quase sete anos de gestão não entregou nenhuma obra relevante na cidade. “Ricardo está transformando Mamanguape, por isso nossa cidade lhe deu uma votação consagradora no primeiro turno, que certamente será ampliada no próximo dia 26”, destacou Tonhão

Quatro importantes lideranças políticas de Tavares, incluindo o vice-prefeito da cidade, abandonaram a campanha do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB) e anunciaram apoio ao governador e candidato à reeleição Ricardo Coutinho (PSB). O anúncio aconteceu durante reunião com o coordenador político da campanha Efraim Morais (DEM), na noite desta quarta-feira (15).

O vice-prefeito Doutor Hermógenes Feitosa (PMDB), o presidente da Câmara de Vereadores para o biênio 2015-2016, José Edson Cordeiro (PMDB) e o vereador Antônio Cândido Filho (PMDB) declararam que estarão empenhados em reverter o resultado negativo que Ricardo Coutinho teve na cidade.

“Conversamos com as bases e com as lideranças de nossa cidade, e decidimos que o melhor para Tavares e para nosso Estado é votar em Ricardo Coutinho, que tem desenvolvido um ótimo trabalho em nossa região”, disse o vice-prefeito, destacando ações do governador como a estrada que liga Tavares à Princesa Isabel, a reforma de duas escolas e a aquisição de uma ambulância.