FUGA FRUSTRADA: agentes penitenciários e Polícia Militar evitam saída em massa da cadeia pública de Cuité

Cuité Pb online | 13:13 | 0 Comentários

Partilhar

Na madrugada desse sábado, (12), policiais militares pertencentes ao 9º Batalhão de Polícia Militar e agentes penitenciários do município de Cuité, no Curimataú paraibano, evitaram o que seria uma fuga em massa de 26 presos da Cadeia Pública daquela cidade.

Durante a madrugada, o Soldado Leonardo notou que, em uma das celas, havia uma movimentação estranha. De imediato o fato foi comunicado ao Diretor da instituição prisional, César Silva, que acionou o apoio policial.

Uma busca minuciosa às dependências da cela foi efetuada e foram encontrados três celulares, carregadores, uma máquina artesanal utilizada para fazer tatuagens, além de uma faca peixeira, barras de ferro (utilizadas na escavação) e diversas cordas do tipo “teresas” que seriam utilizadas para facilitar o acesso à área externa da cadeia.

A autoria da tentativa de fuga foi assumida pelo preso Madson Roberto Alves Fonseca, que alegou pretender uma transferência para o estado do Rio Grande do Norte. Uma das paredes da cela se encontrava molhada para facilitar na escavação.

De acordo com o Comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar, o Major Afonso Antônio Galvão, a atitude dos policiais – em parceria com os agentes penitenciários – evitou uma fuga em massa da cadeia pública.

“Diversos presos que cometeram crimes distintos estariam nas ruas aterrorizando a população, mas obtivemos êxito e conseguimos frustrar a ação dos detentos”, asseverou.

Esta é a terceira tentativa de fuga registrada pelos agentes penitenciários da instituição, atualmente com cerca de 60 detentos, a cadeia pública de Cuité excede sua capacidade, pois o limite é de apenas 30 apenados.

Redação 

PB Agora  

Category:

0 Comentários

Deixe aqui registrada a sua opinião, este é um espaço aberto ao debate!
A sua identificação é bem vinda!
Acima de tudo RESPEITO às opiniões!

Participe e volte sempre!