Prefeitos atrasam salários e servidores protestam

Cuité Pb online | 12:02 | 1 Comentários

Partilhar

Em Cubatí, o protesto ocorreu na segunda-feira passada. Em Pitimbú, desde as primeiras horas da manhã a rodovia que dá acesso à cidade está bloqueada


Prefeitos do interior da Paraíba, após o resultado das eleições municipais, deixaram de pagar os salários dos servidores. Em duas cidades, como forma de protesto, os servidores reagiram e bloquearam a saída e a entrada, queimando pneus e madeira nas rodovias. Na segunda-feira foi em Cubati (no Curimataú paraibano). Nesta quinta-feira  (25) foi a vez dos servidores de Ptimbú (no Litoral Sul) interditarem os acessos da cidade.  
No caso de Pitimbú, os salários estão atrasados há três meses. Os servidores denunciam ainda escolas praticamente paradas, ônibus escolares sem funcionar por falta de combustível e falta d'água. Pitimbú está localizado no Litoral Sul do estado, a uma distância de 68 km de João Pessoa e 85 km de Recife. Tem 17.492 habitantes.

Os manifestantes fecharam a PB 044 que dá acesso a cidade para chamar a atenção para a situação no município. De acordo com o delegado da cidade, Jaime Cavalcanti, policiais estão acompanhando a manifestação e até agora está sendo considerada tranquila. 

De acordo com a estudante Joana Darc da Silva, as escolas estão paradas porque os professores não estão recebendo salários. Ela disse, ainda, que não há merenda em algumas unidades. "A revolta tem sido geral. O funcionalismo está numa situação difícil e o que o prefeito diz é que não vai pagar a ninguém até o fim do seu mandato", contou.

O vereador do município, Marco Aurélio (PRB) informou que o sistema de água e esgoto de Pitimbú não está funcionando por falta de pagamento da taxa de energia que deve ser paga pela Prefeitura à Energisa para que o sistema seja ativado. "Há uma dívida de mais de R$ 500 mil junto à empresa de energia e a população está sendo penalizada", denunciou o parlamentar.  O vereador denunciou ainda que os fornecedores da Prefeitura também estão sem receber o dinheiro dos contratos.
A reportagem tentou um contato por telefone com o prefeito Rômulo Carneiro (PP) e com a esposa dele, Ivanise Carneiro, que é secretária de Administração do município. Eles não atenderam as ligações. 
No último dia 17, o Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB),  reprovou as contas da Câmara Municipal de Pitimbú, referentes a 2009.
No município de Cubati, os salários dos funcionários estão atrasados também há três meses. Eles fecharam a rodovia PB 177 durante toda manhã da segunda-feira (22) e resolveram acampar na frente da casa do prefeito até que os salários sejam pagos.
Os funcionários denunciam que o prefeito Dimas Pereira (PP) não deu nenhuma previsão de quando atualizará os salários dos servidores.  
A reportagem também tentou falar com o prefeito de Cubatí através do telefone da Prefeitura, mas não foi atendida.  
Cubati fica na região do Seridó Oriental paraibano. De acordo com o IBGE, sua população é estimada em 6.546 habitantes. O município fica a 200 quilômetros da Capital
Portal Correio

Category:

Um comentário:

  1. ta bom do mesmo acontecer em cuité, os funcionários tem que está no promotor todo més ,pra receber seus salários e a prefeita passando por cima de todo mundo tem que fazer uma uma manifestação e chamar a TV paraíba pra mostrar pra todo mundo o que está acontecendo em nossa cidade cuité , pra alguém tomar providencia essa e minha opinião.

    ResponderExcluir

Deixe aqui registrada a sua opinião, este é um espaço aberto ao debate!
A sua identificação é bem vinda!
Acima de tudo RESPEITO às opiniões!

Participe e volte sempre!