Governo do Estado retoma perfuração de poços na zona rural de Cuité

Cuité Pb online | 19:08 | 1 Comentários

Partilhar


O Governo do Estado, por meio da Companhia de Desenvolvimento dos Recursos Minerais (CDRM), Está perfurando  22 poços artesianos em diversas localidades rurais do município de Cuité. Os poços começaram a ser perfurados no mês de setembro, mais por denuncias de períodos eleitorais foi interrompido gerando um grande prejuízo para os trabalhadores rurais, Essa semana foi retomada as perfurações dos poços. Essa é uma das ações do Comitê Estadual de Enfrentamento à Estiagem nos municípios que decretaram situação de emergência.

Disseram que a maquina perfuratriz não voltaria ao município de Cuité, mais uma mentira desfeita. A máquina estar nas associações realizando o trabalho que foi interrompido por pessoas sem conhecimento e sem compromisso com os mais pobres. Continuo coordenando as atividades com as graças de Deus e o carinho do povo da zona rural, estou muito feliz em poder ajudar a quem mais precisa de nosso apoio. (Falou Marié Dantas coordenadora do programa cooperar no município).

As demandas para abrir poços são do Governo do Estado, por meio do Projeto Cooperar e Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Funcep), em atendimento a pleitos de associações de comunidades rurais.

O chefe da Divisão de Hidrogeologia e Sondagens da CDRM, Milton Mafra, informou que a solicitação de poços também chega por meio de projetos apresentados nas plenárias do Orçamento Democrático Estadual (ODE).

Os poços são perfurados em pequenas comunidades rurais e cada um atende em média a demanda de cinco ou mais famílias. A profundidade máxima desses poços é de 50 metros, mas a média tem sido 35 metros. A vida útil de um poço, de acordo com a vazão de 1.500 litros por hora, é de mais de 20 anos. Em Cuité, quando a água não é própria para o consumo humano, é utilizada para atender os rebanhos.

CuitéPBOnline 

Category:

Um comentário:

  1. A máquina em pleno vapor perfurando poço no municipio de Cuité. O municipio está localizado no Curimataú paraibano, vem enfrentando uma das piores crises causadas pela estiagem. A falta dagua vem presionando muito os criadores que não estão mais suportando os efeitos da seca. A professora MARIÉ DANTAS, coodenadora do Projeto Cooperar no municipio de Cuité, tomou as medidas urgentes junto ao governo do Estado, para resolver no mais rápido possível os projetos junto as associações rurais. Medida muito boa que chamou a atenção na região.

    ResponderExcluir

Deixe aqui registrada a sua opinião, este é um espaço aberto ao debate!
A sua identificação é bem vinda!
Acima de tudo RESPEITO às opiniões!

Participe e volte sempre!