Prefeito de Pedra Lavrada é acusado de usar dinheiro público para fazer turismo

Cuité Pb online | 15:09 | 0 Comentários

Partilhar

Denúncia foi feita na sessão da Câmara de Vereadores da ultima sexta-feira (30)

A Câmara Municipal de Vereadores de Pedra Lavrada, realizou sessão ordinária na última sexta-feira(30), onde tinha como objetivo principal votar o Projeto de Lei que iria alterar o Plano de Cargo, Carreira e Remuneração do Magistério Municipal, mas o Projeto de Lei foi retirado de pauta a pedido da prefeitura.
No entanto, o vereador Cirilo Neto fez acusações, munido de documentos, ao prefeito Tota Guedes e sua administração.
As acusações foras as seguintes:
1- A existência de uma lei que obriga os carros locados(alugados) aos entes públicos municipais a usarem adesivos com identificação, que não é cumprida;

2- Manutenção de pagamento a 'funcionários fantasmas';
3- Pagamento de horas-extras a 'funcionários fantasmas';
4- Pagamentos indiretos, feitos através dessas horas-extras a terceiros, burlando a obrigatoriedade do concurso público;
5- Funcionários que desempenham a mesma função e tem uns que ganham mais que outros;
Além dessas denúncias, o vereador Cirilo Neto também acusou o prefeito de ter usado dinheiro destinado a pessoas carentes para pagar hospedagem e outros gastos em um Hotel de Luxo em Natal, para um amigo seu e o próprio prefeito.
Veja documentos:

WSCOM Online (Com Blog Voz de Pedra)

Category:

0 Comentários

Deixe aqui registrada a sua opinião, este é um espaço aberto ao debate!
A sua identificação é bem vinda!
Acima de tudo RESPEITO às opiniões!

Participe e volte sempre!