Picuí – PB: Tony Henriques e sua luta em prol do desenvolvimento mineral

Cuité Pb online | 07:36 | 2 Comentários

Partilhar

Antonio Assunção Henriques – TONY HENRIQUES é natural da cidade de Picuí, filho de Garimpeiro, Atualmente estudante do curso de Agroecologia sempre esteve ao lado do seu pai nesta luta em prol do desenvolvimento da mineração em nossa região, fez parte da associação de garimpeiros de nosso município e sempre buscou e lutou por melhorias para esta categoria, ele conta que sempre ouvia falar que cidades vizinhas eram sempre contempladas com projetos na área de mineração e para nossa cidade nunca vinha nada apesar da atividade ser a grande vocação do município, e ter várias famílias que sobrevivem do garimpo.

Até que ano passado surgiu à oportunidade de criar a atual cooperativa dos mineradores de Picuí, com o apoio dos garimpeiros e incentivos do governo do estado e de seus parceiros, ele foi atrás de investimentos financeiros e técnicos para criar a cooperativa que com certeza é fator importante para o desenvolvimento da atividade mineradora no nosso município e região, após a fundação da cooperativa ele foi, em busca de mais parcerias, tendo como meta melhorar o setor de nossa região que estava esquecido, com o objetivo de agregar valor às riquezas e garantir uma maior rentabilidade para os pequenos mineradores, priorizando a capacitação do trabalhador do setor mineral e cuidando também da saúde, da segurança e da inclusão do garimpeiro no contexto socioeconômico e sempre priorizando a preservação do meio ambiente que tem sido a grande preocupação do mesmo e promovendo um desenvolvimento com sustentabilidade, transformando a atividade em potencial econômica na região.

 Hoje já se podem ver os avanços que ele tem conseguido trazer para os pequenos mineradores, em apenas um ano de fundação da cooperativa. Recentemente esteve em nossa região a pedido do mesmo o Superintendente do DNPM (Departamento Nacional de Produção Mineral) do estado da Paraíba, Dr. Guilherme Henrique juntamente com o diretor / presidente da CDRM- PB, Dr. Geraldo Nobre, eles visitaram alguns garimpos em nosso município.

“A vinda destes profissionais da área mineral é fundamental para que  eles possam conhecer, e ver de perto a realidade vivida por esta categoria ,  as necessidades que a atividade mineral do Município possui , para juntos buscarmos soluções que atendam as necessidades dos pequenos mineradores Picuienses e da região.” Disse o pesquisador , técnico em mineração e estudante de Agroecologia Antonio de Pádua Sobrinho

Texto e Inf. de Sobrinho

Category:

2 comentários:

  1. eu queria saber que tipo de avanço tem conseguido essa cooperativa para os mineradores de Picuí!? me cite apenas três?

    ResponderExcluir
  2. com a cooperativa os garimpeios agora disponiblizam de um compressor que presta assisntencia diariamente aos garimpo qua não tinham .

    os garimpeiros disponiblizam de uma pá carrgadeira , para limpar seus altos e fazer o carregamento diminuindo os eforços fisicos vc imagine encher uma caçamba de material com um garfo muitas vezes vinte toneladas ou mais .

    os garimperios estão se formalizando diminuindo a informalidade.

    os garimpeiros agora tem assistencia técnica , de engenheiros , técnicos e muito mais.

    ResponderExcluir

Deixe aqui registrada a sua opinião, este é um espaço aberto ao debate!
A sua identificação é bem vinda!
Acima de tudo RESPEITO às opiniões!

Participe e volte sempre!