.

Governador libera R$ 4,6 milhões do Empreender PB

Cuité Pb online | 17:03 | 0 Comentários

Partilhar

O governador Ricardo Coutinho realizou, na manhã desta segunda-feira (5), em solenidade no Hotel Garden, em Campina Grande, a primeira liberação de recursos do Empreender Paraíba. Os recursos investidos pelo Governo do Estado são de mais de R$ 4,6 milhões, que beneficiarão mais de 2,3 mil famílias na Paraíba.
Na área dos investimentos individuas, foram liberados R$ 378 mil em benefício de 227 artesãos dos municípios de Aroeiras, Baía da Traição, Boqueirão, Camalaú, Campina Grande, Cuité, Ingá, João Pessoa, Picuí, Prata, São João do Tigre e São Sebastião do Umbuzeiro. Em relação aos empreendimentos coletivos os financiamentos, os recursos chegam a R$ 4,2 milhões – que garantirão o aumento da produção de 2.098 famílias ligadas às associações rurais.
O governador também anunciou para este ano o edital para empreendedores individuais, por meio do Banco do Nordeste, para investimentos como a utilização de energia solar para irrigação e de gás natural para taxistas.
Segundo ele, existe um grande campo para o desenvolvimento da economia popular. “O que foi feito em João Pessoa será realizado no Estado, dentro de suas potencialidades. Quem tiver uma boa ideia e um bom projeto, não ficará sem dinheiro”, disse.
Ricardo Coutinho confirmou que o Estado está chamando para si a responsabilidade de entrar com crédito, treinamento e acompanhamento para produtores dos arranjos produtivos. O projeto, segundo o governador, está integrado ao Pacto pelo Desenvolvimento, que estabelece aos prefeitos a compra de, no mínimo, 30% na merenda escolar da agricultura familiar como forma de estimular a produção local.
Primeiros cheques- A artesã Elaine Cristina, de Aroeiras, foi a primeira que recebeu das mãos do governador o cheque e a cópia do contrato, no valor de R$ 14 mil, para fortalecer o trabalho de dez artesãos que trabalham no município.
Ricardo também entregou contratos dos grupos produtivos em 16 municípios nas áreas da piscicultura; avicultura bananicultura; hortifruticultura; tapetes e costura;curtição de couro; caprinocultura; ovinocultura; comércio;  apicultura; mineração; beneficiamento de tilápias; agricultura e pecuária; avicultura alternativa; agroindústria e caprinocultura.
Mineração – O setor mineral é o arranjo produtivo que receberá mais investimentos, ultrapassando os R$ 2 milhões. O montante será dividido da seguinte forma: Nova Palmeira, R$ 446 mil; Ouro Velho, R$ 54.330,00; Pedra Lavrada, R$ 490 mil; Picuí, R$ 532 mil; e Várzea, R$ 500 mil. “Estamos investindo no crédito e na orientação para que os mineradores adquiram máquinas e equipamentos que incrementem a produção e façam com que o dinheiro circule na economia local”, ressaltou o governador.
O secretário executivo do Empreender Paraíba, Tárcio Pessoa, destacou que o primeiro passo foi dado para tornar o Empreender uma realidade em negócios individuais e coletivos, rumo ao fortalecimento da base produtiva no Estado.  “Estamos investindo em setores que vão da mineração ao turismo, como o projeto de organização e padronização das barracas em Coqueirinho, no Conde”, exemplificou.
Tárcio disse que foram adotados critérios técnicos e de viabilidade para a aprovação dos projetos. “O próximo passo é ir às associações e cooperativas, para preparar a transferência de recursos”, disse. Ele completou que os investidores individuais já saem com os cheques para incrementar seus negócios.
















CuitéPBOnline com Secom

Category: ,

0 Comentários

Deixe aqui registrada a sua opinião, este é um espaço aberto ao debate!
A sua identificação é bem vinda!
Acima de tudo RESPEITO às opiniões!

Participe e volte sempre!